Follow me on Twitter RSS FEED

Dois Selos - Sou um guloso

Posted in By Joel Loureiro Correia Cubo Mágico 8 comentários

Estamos numa sociedade onde as amizades virtuais já fazem parte de qualquer cybernauta.

No Dihitt não nos ficamos por menos. Somos pessoas dinâmicas e reais, que dividimos com todos os blogueiros as nossas alegrias e anseios, problemas e soluções, crença e racionalismo, etc, etc. Dividimos todos os tipos de textos que publicamos nos nossos blogs, e com isso tornamos o dia de todos mais colorido e rico. Há quem sempre esteja mostrado o seu agrado pelo textos que enviamos, reconhecendo com comentários o conteúdo dos nossos textos. Existe troca de impressões, opiniões e as afinidades começam naturalmente a surgirem; isso não pode ficar no esquecimento, e no global, todos os usuários estão a tentar deixar a sua marca de gratidão aos amigos mais próximos, mandando selos.

Felizmente, fui um desses escolhidos para receber essa pequena mas pura homenagem. São selos simbólicos que marcam a ligação entre os usuários.

Prêmio Selo Dardos

“Com o Prémio Dardos se reconhecem os valores que cada blogueiro mostra cada dia em seu empenho por transmitir valores culturais, éticos, literários, pessoais, etc…, que em suma, demonstram sua criatividade através do pensamento vivo que está e permanece intacto entre suas letras, entre suas palavras.”

Recebi este selo de uma grande amiga, a primeira pessoa que realmente me deu carinho e atenção, da primeira pessoa que realmente se preocupou comigo e gostou da pessoa que sou. A sua simples forma de comunicar nos uniu num laço de amizade que se tem vindo a fortalecer dia-após-dia. Obrigado por tudo minha querida Jackief.

Todo esse selo mostra o quando é importante a nossa convivência, a troca de palavras doces e o quão delicioso é a troca de ideias - por vezes pontos de vista diferentes, mas que o objectivo é sempre o mesmo - o RESPEITO tanto pelo ser humano como pela vida.

Selo Sunshine Awards

Desta vez, e mais uma vez, não fui esquecido pelas pessoas que mais me mimam no DiHitt. Pessoas que merecem toda a minha atenção e dedicação quando me deparo com os seus textos maravilhoso recheados de lindas palavras. Obrigado minha querida Cecil177.

Um ser humano maravilhoso, que tive a honra e felicidade de conviver de mais perto com esta pessoa cheia de carinho e doçura nas suas palavras. A amizade está crescendo, e a convivência nos juntará de forma a apreciar profundamente a pessoa linda com quem estou convivendo, e que em nada me arrependi em arriscar em a conhecer - pelo contrário, é uma pessoa que todos adoravam ter como amiga.

Para não massar mais, vós leitores, os meus próximos indicados são:

Cecil177 (Prémio Selo Dardos apenas)

Reflexão Instantânea - Cubo Mágico

Posted in By Joel Loureiro Correia Cubo Mágico 5 comentários

Estou entrando na onda dos "memes" :D

Desta vez, fui convidado por uma pessoa que tenho vindo a admirar por sentir e vê-la como uma pessoa correcta e honesta nas suas atitudes. Agradeço a nossa colega Luciana Vaz - Luvaz, participante assídua do dihitt por se ter lembrado de mim. Um beijo para ti minha querida Lu.

Não vos quero massar mais, e então vou directo à entrevista:

O dia mais belo? 17/07/1991 - Foi o dia do meu nascimento, e esse para mim é um dia maravilhoso. É sinal que tive a oportunidade de vir ao mundo.

A coisa mais fácil? Dizer o que sinto na cara das pessoas

O maior obstáculo? Não existe obstáculos. E quando há, eu ultrapasso-os

O maior erro? Ter servido um sujeito que nunca vi nem sei se existe - DEUS

A distracção mais bela? Quando olha a pessoa que amo - a minha namorada :D

A pior derrota? Não tenho nenhuma que me marca

Os melhores professores? A vida; é ela que me ensina o essencial da existência do Homem

A primeira necessidade? Ser feliz

O que mais lhe faz feliz? A satisfação de desejos

O maior mistério? O oculto....

O pior defeito? Não vejo o pior de mim. Se os tenho é porque fazem parte de mim. Se os deixasse de ter, jamais voltaria a ser o verdadeiro "eu"

A pessoa mais perigosa? A que não conheço. Não subestimo ninguém. Fisicamente ninguém mostra o que vale.

O sentimento pior? Não existem sentimentos ruins. Todos fazem parte do ser humano, são algo intrínseco do homem.

O presente mais belo? A minha namorada, futuramente, dar-me um filho 

O mais imprescindível? Quer gostem, quer não gostem, ser eu mesmo

A rota mais certa? A rota é a da direcção á felicidade... tudo o resto, e como eu disse mesmo, é resto.....

A sensação mais agradável? Estar com pessoas agradáveis... é tão gostoso ahahahah

A protecção efectiva? Eu sou o meu próprio protector; Sou eu que tenho de cuidar de mim, não os outros.

O melhor remédio? O que não nos faz mal ;)

A maior satisfação? Ser feliz como sou, como penso e como ajo

A força mais potente do mundo? O Homem. Somos nós que movemos o mundo. Somos nós que o modificamos.

As pessoas mais necessárias? Família, namorada e amigos

A mais bela de todas as coisas? A vida

Os meus indicados, para entrar na mesma brincadeira, são:






Uma das musicas da minha vida

Posted in By Joel Loureiro Correia Cubo Mágico 1 comentários

Hoje, partilho uma das músicas da minha vida. Alguém, que para mim é uma pessoa muito especial, a pessoa mais amoroso e doce que conheci no dihitt, lembrou-se de que eu também devia mostrar-vos qual a música da minha vida - Obrigado minha querida Jackief.

A música, mais que uma arte, para mim é uma amiga que sempre me acompanhou nos momentos mais penosos e exaustos, naqueles momentos em que me sentia realmente só.

Na verdade, não tenho uma música que me faça dizer "esta é a música da minha vida", mas sempre posso dizer "esta contribuiu para me dar força na minha vida". Tenho a apresentar-vos uma música chamada "A Thousand Years" do famoso cantor Sting num dueto com a nossa fadista portuguesa Mariza.

A razão desta escolha, foi cuidada; pela sua letra, pela sua musicalidade, mas acima de tudo, pelo sentir de emoções que despertam em mim. Dá-me coragem, dá-me força para seguir em frente, dá-me ainda mais convicção em tudo o que acredito.

Ouçam a música, ouçam a letra.




Os próximos indicados sobre "a música da minha vida" serão todos aqueles que têm a vontade de escrever sobre o que eu escrevi, mas que não tiveram quem se lembrasse deles.

O Que é Virtual

Posted in By Joel Loureiro Correia Cubo Mágico 2 comentários

Vou-vos contar um segredo dos homens... ou, talvez, relembrar-vos....

Posted in By Joel Loureiro Correia Cubo Mágico 1 comentários

Este olá vai especialmente para as senhoras e belas donzelas que estarão a ler este meu artigo neste preciso momento.

Hoje lembrei-me enquanto estava a passear na rua: "porque não escrever nada sobre uma relação desigual entre um casal?". Pois bem... aqui estou eu a dar frutos a imaginação.

Há casais que se queixam que a sua vida amorosa está num patamar social com o parceiro muito monótono. Ou porque ele (parceiro/a) vem aborrecido do trabalho, ou porque não conseguiu superar os objectivos pretendidos para aquele dia, ou por qualquer outra razão que não me lembro agora... O facto é que a cada dia que passa, existem relações onde começa a escassez do que dizer ao parceiro, começando o casal a sentir-se mal por não viver a mesma chama de quando se conheceram e tinham a maior curiosidade de saber "o que ele valerá?".

Toda a mulher gosta de ser bem tratada - Facto. Mas quem não gosta de receber uns mimos e carinhos, uns beijos bem ternurentos, um abraço muito apertado tentando dizer que sentia a sua falta e no final ouvir palavra bonitas que nos deixem com um sorriso nos lábios?

Existe ainda aquela má ideia na cabecinha de muita gente espalhada por este mundo fora, que os homens a que têm de ser românticos, eles a que têm de saber agradar a mulher com surpresas e ideias inovadoras - ERRADO.

Pois é minhas queridas, vou-vos revelar um segredinho: Os homens também adoram que as suas amadas lhe façam surpresas, façam algo inovador, que mostrem que sabem retribuir todo o carinho que lhe damos. Não é preciso ser Natal, ou anos de namoro, que nós façamos anos, para as nossas eternas namoradas (uma mulher casada, para o homem sempre será a sua namorada) só se lembrarem de nós: é preciso mais, cansa-nos ser sempre os homens a tomar as iniciativos ou a preparar algo de agradável.

Há por vezes lamurias de certas parceiras queixando-se que o namorado não as leva a jantar juntos, não lhe dá flores, não saem para um sitio bem romântico a noite, não a levam a ver o filme que estreou recentemente ou que não as levaram a ver aquela peça de teatro que tanto gostavam de assistir.

E as queixosas, o que fizeram elas para agradar ao namorado?? Entregam o seu corpo todas as noites ao seu parceiro? Será que isso satisfaz um homem, não necessitando de algo mais?

Pois é minhas queridas, o homem não deseja apenas sexo da mulher... há certos pormenores que em certas pessoas, ainda lhe continuam a passar ao lado..

Novo visual e novo URL

Posted in By Joel Loureiro Correia Cubo Mágico 3 comentários

Olá meu amigo / minha querida!

Durante uns tempos que  uns amigos me têm vindo a "encher" a cabeça para mudar o visual do meu blog! Preponderei a ideia, e neste fim de semana pôs mãos-a-obra e lá me lancei na ideia.

Gostei do resultado final, ficou bem mais agradável esteticamente, o carregamento da página é bem mais leve, e a luminosidade é suficiente para não  causar danos visuais como ambientais (quanto mais escuros os ecrãs, melhor para o ambiente)...

A mudança de URL também me foi sugerida, pondo algo mais atractivo e realista.

Quem quiser pode sempre visitar-me em www.365diasparati.blogspot.com

Beijos e/ou abraços

Desigualdades sociais!!!

Posted in By Joel Loureiro Correia Cubo Mágico 1 comentários

Somos todos iguais perante a lei, mas as desigualdades sociais permanecem e persistem em marcar as relações humanas.
Enquanto uma família de trabalhadores, sacrifica-se levantando cedo, preparam o pequeno almoço para os seus filhos para que quando se levantarem não se atrasem na ida para a escola, tendo que os levar muitas das vezes a pressa para seguirem para o seu emprego, onde no final do mês, muitas vezes recebem o ordenado mínimo. Todo o vencimento que recebem mal dá para os gastos do mês - pagar a luz, a água, o telefone, a alimentação, o vestuário, a educação dos filhos e ainda muitas das vezes, a renda da casa ou o empréstimo que pediram ao banco para poder comprar um carro para se poderem deslocar para o trabalho.
Mas enquanto isso, existem os afortunados, onde por outro lado, vivem num esbanjamento exacerbado: casas luxuosas com os apetrechos todos, empregados para todos os seus caprichos, têm dos mais variados carros, vão passar férias a todos os lugares do mundo, dispõe dos melhores meios para os filhos estudarem nas melhores escolas do país, onde ainda têm a regalia de poder ter ao seu dispor os melhores professores particulares para obterem aulas particulares.
A forte desigualdade social a cada dia está a expandir-se: os ricos usam e abusam dos seus poderes monetários para comprarem os pobres; a classe trabalhadora como necessita de quem tem poderes económicos para lhe arranjarem emprego, sujeitam-se a todo o tipo de discriminação.

"Há pessoas tão pobres, mas tão pobres, que só têm dinheiro!"